Dica: Vai receber seu imóvel novo? Uma boa vistoria evita muita dor de cabeça…

Vistoria Apartamento Novo

vistoria-apartamento-novoDemorou, mas saiu. Você mal pode esperar para chamar o caminhão de mudanças e levar tudo que é seu, do imóvel velho, para o imóvel novo. A empolgação é tanta, que você sequer se deu ao trabalho de fazer uma observação mais minuciosa no que está levando, as vezes, pra toda a vida.

É neste momento do negócio imobiliário que você vai checar se estão lhe entregando tudo aquilo que efetivamente foi comprado. Isso é fundamental porque aceitar como verdadeiro, aquilo que pode dar dor de cabeça no futuro é uma furada. É a hora da vistoria. Direito seu, dever da construtora e um passo fundamental antes de providenciar a mudança.

Primeiro conselho é não se deixar levar pela emoção. Ver materializado aquilo que estava apenas em uma planta baixa é muito legal. Mas detenha-se nos detalhes para checar se não existem pequenos problemas que darão muita dor de cabeça. Se eles existirem, a hora de pedir providências as construtoras é agora, que deverá providenciar os reparos e marcar  nova vistoria.

Tenha em mãos um “check list” com tudo aquilo que não pode ser esquecido. Por exemplo, itens básicos como o funcionamento de luz e de água. Confira vazamentos. Teste todos os pontos de água pra ver se estão funcionando. Isso é necessário porque aqui mesmo em Belém, já teve cliente assustado com torneira que não saia água, porque não tinha sequer o cano, para ligar com a caixa d’agua. No caso da energia é mais complicado, porque os imóveis são entregues sem lâmpadas. Leve a sua, teste uma a uma, assim como as tomadas. É um tempo longo, mas que precisa ser feito neste momento.

Olho em detalhes como pisos e revestimentos cerâmicos mal colocados, trincados, com a pintura com manchas e até mesmo com a fechadura da porta que não fecha direito, ou mesmo a janela fora do plumo. Isso também deve ser feito em forros de gesso e mesmo paredes. Se um desses itens estiverem tortos, você vai gastar para regularizar.

Leve também o memorial de incorporação onde deve estar descrito tudo o que foi contratado. Para saber se os tamanhos correspondem , bom ter a mão uma trena para media ambientes e mesmo a vaga de garagem. Já imaginou descobrir depois que seu carro não cabe ali? Outra bom dica é tirar fotos ou filmar os itens com defeito. É previsto uma diferença de tamanho de até 5% no tamanho do imóvel. Além disso, o comprador deve exigir uma compensação.

Se a construtora não der uma cópia da vistoria, veja se está tudo como você disse e tire uma foto do documento. Mantenha o foco. O melhor é fazer uma pré-vistoria, alguns meses antes da entrega, para dar tempo da construtora providenciar os reparos, mas no dia marcado, se o imóvel apresentar problema, o cliente deverá solicitar que ele seja anotado no termo de vistoria. Não vale promessa verbal de conserto, que pode ser negada em um momento futuro.

Existem cartilhas e pequenos filmes que ajudam nesta tarefa. Basta procurar nos sites de buscas na internet. A Associação de Mutuários de SP, tem até uma cartilha que você pode ter acesso clicando no link aqui.

Agora resta ter atenção e boa sorte na casa nova.